Notícias

20/09/09 – Grêmio 5 x 1 Fluminense

O Grêmio encostou de vez no G-4. Neste domingo, o Tricolor mostrou a força do time no Estádio Olímpico e aplicou 5 a 1 em cima do Fluminense, com naturalidade.

Com a vitória, o time gaúcho ficou com o melhor ataque da competição, melhor saldo, além do artilheiro – Jonas, com 13 gols.

Grêmio atropela

A partida começou movimentada. O desesperado Fluminense não conseguia segurar a força ofensiva do Tricolor gaúcho. Aos sete minutos, o Grêmio quase abriu o placar. Tcheco cobrou falta e Réver e Herrera tentaram, mas Rafael fez duas boas defesas, com os pés.

Um minuto depois, a resposta do Fluminense. Conca entrou livre na área e bateu de canhota, rasteira, no cantinho. Victor voou no chão e espalmou para escanteio. Esta foi a única boa chance carioca na primeira etapa.

A partir de então, o Grêmio ditou o ritmo da partida, sem dar chances para o adversário. E o primeiro gol saiu aos 10 minutos, com a ajuda de um jogador do Fluminense. Souza cobrou falta ao lado da área e Adeilson desviou de cabeça contra a própria meta: 1 a 0.

Os gaúchos continuaram pressionando. Aos 16 minutos, Herrera foi puxado dentro da área: pênalti. Jonas foi para a bola e o técnico Paulo Autuori gritou e esbravejou. O técnico queria Tcheco, o cobrador oficial.

Jonas bateu a penalidade, e Rafael defendeu. Mas o juiz alegou que o goleiro se adiantou e mandou cobrar de novo. Desta vez, Tcheco foi lá, com direito a paradinha, e bateu no canto, sem chances para o arqueiro adversário.

O terceiro gol foi logo depois, em mais uma jogada pela ponta direita. Tcheco fez o cruzamento e Souza desviou, de carrinho. Depois, o Tricolor gaúcho diminuiu o ritmo e o placar não se alterou até o intervalo.

O Grêmio voltou com tudo para a segunda etapa. Logo aos quatro minutos, Herrera desperdiçou chance incrível. Ele se livrou do goleiro na grande área, mas Rafael conseguiu se recuperar e saiu nos pés do atacante.

Susto rápido

O Flu teve um instante de brilho na segunda etapa. Aos 12 minutos, Conca cobrou falta da intermediária e, sem marcação, Kieza desviou para as redes.

Mas foi um susto rápido. Logo depois da saída de bola, o Grêmio saiu em um ataque fulminante. Depois de bela tabela, Herrera entrou na área e cruzou para Jonas. Só que Cássio apareceu no meio do caminho e testou contra a pátria: 4 a 1.

Jonas é artilheiro

Pelo lado do Fluminense, Urrutia quase descontou. O volante acertou uma bomba da intermediária e Victor fez excelente defesa.

Jonas foi insistente em toda a partida e conseguiu marcar somente aos 39. Ele entrou em velocidade na área, driblou o goleiro e fechou o placar em 5 a 1. Na comemoração, chegou a se emocionar.

Fonte:  ClicEsportes

Leave a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.