Camisas do Grêmio » Curiosidades
Curiosidades

Navegando hoje pelo blog GrêmioCopero me deparei com um post no qual ele falava sobre camisas piratas, e bizarras, que estavam sendo vendidas no eBay. Ao ver a foto e o link do anúncio da camisa verifiquei que além da camisa postada pelo pessoal do GrêmioCopero no eBay pode ser encontrada outra camisa do Grêmio, parecida com a branca da Libertadores 2009, feita pela mesma Agmar (fabricante das bizarrices)…

Fotos:

264 265 266 267

A que ponto chegaram os “piratas”… Pelo menos estes colocaram sua marca e não a da Puma, mas mesmo assim é uma falsificação e não podem vender, até porque não é licenciada pelo Grêmio…

Os anúncios para as camisas podem ser acessados clicando nos links a seguir: CAMISA BRANCA . CAMISA TRICOLOR

Que acharam? Alguém se arriscaria a comprar e usar uma dessas? EU NÃO!

ATUALIZAÇÃO:

Acessando o Blog do Cappeli pude encontrar nos recados ao post sobre estas camisas que ele fez que elas foram feitas por um mockupeiro (pessoa que cria desenhos de camisas com uma marca fictícia criada por si) que resolveu dar vida a suas criações. Não é uma pirataria, mas sim uma crização própria, porém mesmo assim não pode ser comercializada. As criações dele podem ser visualizadas AQUI.

Curiosidades

Encontrei esse texto na comunidade do Grêmio no Orkut e achei bem interessante para mostrar aos gaylorados alguns fatos que eles não devem ainda ter conhecimento.

**Por que nos chamam de racistas?**

1 – Porque chamamos eles de macacos. PORÉM O QUE NINGUÉM DIVULGA É QUE FORAM ELES QUE INVENTARAM ESSE APELIDO PRA ELES MESMOS, décadas atrás. Enquanto os gremistas cantavam “ah eu sou gaúcho!” os coloridos cantavam “ah eu sou macaco!” e o mascote da torcida organizada deles era um Macaco. Até hoje ainda existe torcida organizada cujo simbolo é um macaco, e até a Torcida Organizada “Ma.Ca.Co” (Massa Cachaceira Colorada). O ponto onde os gremistas passaram a chamar colorados de macacos foi na reforma do Chiqueira-Rio, onde eles tiveram que assistir os jogos por fora do estádio, subindo nas árvores. Além de já serem “ironizados” de macacos devido às várias cópias que sempre faziam de gremistas, desde idéias de criar ou reformar estádio, contratar jogador extrangeiro de tal país, viajar pela América, Europa, etc, tudo logo após o Grêmio fazer primeiro, agora os colorados subiam em árvores também. FOI AÍ QUE OS GREMISTAS COMEÇARAM A CHAMAR OS COLORADOS DE MACACOS. E O APELIDO PEGOU.

2 – Porque mês passado dois gremistas espancaram um PUNK. Isso mesmo, dois gremistas “neonazistas” bateram num PUNK (E O PUNK ERA GREMISTA). Ou seja, apesar de não deixar de ser um ato horrível, é algo completamente desvinculado com o futebol. Se for dizer que os gremistas são os nazistas, tem que dizer que são as vítimas do neo-nazismo também.

3- Porque o Grêmio só foi aceitar negros oficialmente no time nos anos 50. Mas o que eles não falam é que o campo do Grêmio era doado por alemães e estava no contrato que se o Grêmio contratasse jogadores negros, perderia o campo. Aliás, mesmo assim, há fotos de negros no time do Grêmio nos anos 20, 30 e 40. Fotos de negros desde 1925, sendo que o inter só contrataria o primeiro em 1928

Acho que os colorados esquecem que a maior torcida negra do RS é GREMISTA, além de liderar todas as classes sociais (e o clube do povo? sempre em segundo). Podem olhar qualquer pesquisa; outro fato curioso é que o inter nunca teve NENHUM grande ídolo negro com a mesma admiração que os gremistas tiveram com os seus, desde imortalizando na bandeira e hino a fazer pequenas músicas e trapos em suas homenagens. Ano retrasado mesmo tivemos o Andershow (maior ídolo dos últimos anos), e pouco antes o traidor Ronaldinho Gaúcho (que enquanto estava no Grêmio nunca deixou de ser ídolo), e mais pro passado O GRANDE CRAQUE EVERALDO (a estrela única, dourada, da bandeira do Grêmio) e o mestiço Lara (que até entrou no hino do Grêmio). Aliás, o hino do Grêmio foi feito por LUPICÍNIO RODRIGUES (negro).

Agora vem o mais importante:

E outra coisa que eles não divulgam é a história dos Canelas Pretas. No início do futebol profissional no Rio Grande do Sul, negros não jogavam em nenhum time. Então alguns mulatos e negros resolveram montar um time, o Rio-Grandense: elegeram nome, uniforme, tudo bem organizado (era o sonho daqueles mulatos jogarem profissionalmente), durante anos. Mas no dia em que foram tentar se inscrever na Liga, receberam um não porque o futuro “clube do povo” votou contra, impedindo que se criasse o time. O próprio internacional. Isso gerou ódio nas pessoas de cor, que passaram a torcer pro time rival do inter, o Grêmio, e ensinavam os filhos a torcerem pro Tricolor.

Um exemplo foi o Lupicínio Rodrigues, filho daquele que foi presidente do Rio-Grandense. Por isso temos mais torcedores negros torcendo pro Grêmio, como todos já repararam. Então os negros e mulatos formaram uma Liga, a Liga dos Canelas Pretas.

Só uns 20 anos depois (quando o Esporte Club Americano foi derrotado no primeiro amistoso contra um time da Liga dos Canelas Pretas, despertando a atenção para o bom futebol deles) que foram aceitos times com negros. Porém apenas na segunda divisão, sem acesso à primeira. Com o tempo foi-se aceito negros oficialmente em vários clubes. O inter não foi o primeiro time gaúcho a admitir negros, como eles dizem. Muito pelo contrário, houve muitos antes deles. Com as contratações dos negrinhos pelos times gaúchos, a Liga dos Canelas Pretas acabou.
O primeiro negro a jogar no inter foi em 1928, Dirceu Alves, jogando apenas 10 jogos. Mais uns poucos negros pela década de 30. Já o Grêmio teve jogadores negros desde a década de 20, porém não era aberta oficialmente a entrada de negros, principalmente devido à possível perda do campo gremista para os alemães. De 1925 a 1935 o Grêmio teve Adão Lima, por exemplo. Na própria foto do time de Lara vemos vários negros e mulatos:

O gremista NÃO pode ser chamado de racista, de modo como NENHUM outro torcedor de qualquer outro time pode. Como pudemos ver, o tal Clube do Povo tem uma história sujíssima e pouco divulgada. Não queremos incríminá-los nem chamá-los de racistas, queremos apenas que cuidem da própria vida e olhem pra si antes de falar do outro.

A fonte de todo o tópico é:
Memorial do Rio Grande do Sul
http://www.memorial.rs.gov.br/cadernos/futebol.pdf

o livro de Lupicínio Rodrigues


Pesquisa sobre classe social – TOP OF MIND, publicado no site do Grêmio:
http://www.gremio.net/news/view.aspx?id=101&language=0

Fonte: http://www.orkut.com.br/CommMsgs.aspx?cmm=22731&tid=2562046406955375046&kw=racismo+verdade+gremio

Autor: http://www.orkut.com.br/Profile.aspx?uid=11190877438914287785

Curiosidades

Lendo hoje a comunidade do Grêmio no Orkut encontrei isso. Tratam-se dos valores de nossos jogadores segundo um site estrangeiro. Vejam vocês mesmos:

O que acharam ? Bom, pra mim os preços estão totalmente errados, mas fazer o que, o site não é meu e cada um pensa algo. Talvez até eles estejam certos, mas para mim nunca que o Paulo Sérgio valerá 2.000.000 € e o Victor valer só 2.000.000 €…

Entrem e vejam vocês mesmos. O site é www.transfermarkt.de. Lá tem também o preço de diversos outros times brasileiros e do mundo.

Abraços!

Curiosidades

Jornalistas e seus times – Saiu na revista VIP

Para todos se perguntam de que time é este ou aquele jornalista aqui está a resposta que saiu na revista VIP:

TV Globo
Galvão Bueno – Flamengo
Cléber Machado – Santos
Luís Roberto – São Paulo
Mauro Naves – Corinthians
Sérgio Noronha – Vasco

TV Bandeirantes
Nivaldo Prieto – Palmeiras
Luciano do Valle – Ponte Preta
Mauro Beting – Palmeiras
Milton Neves – Santos

SporTV
Luis Carlos Jr. – Fluminense
Milton Leite – Corinthians
Paulo César Vasconcelos – Botafogo
Alex Escobar – América-RJ
Renato Maurício Prado – Flamengo
Marcelo Barreto – Flamengo
Alberto Helena Jr. – São Paulo
José Roberto Wright – Fluminense

ESPN Brasil
José Trajano – América-RJ
Paulo Vinícius Coelho – Palmeiras
Mauro César Pereira – Flamengo
Paulo Calçade – Corinthians
Antero Grecco – Palmeiras
Sílvio Lancellotti – Corinthians
Soninha – Palmeiras
André Plihal – São Paulo
João Palomino – São Paulo
Paulo Amigão Soares – São Paulo
Fernando Calazans – Flamengo
Juca Kfouri – Corinthians

Outros
José Silvério (Band-SP) – Cruzeiro
Wanderley Nogueira (Jovem Pan-SP) – São Paulo
Flávio Prado (Jovem Pan-SP) – São Paulo
José Carlos Araújo (Rádio Globo-RJ) – Fluminense
Mauro Leão (O Globo) – Botafogo
Fernando Vanucci (Rede TV!) – Botafogo
Pedro Ernesto (Rádio Gaúcha) – Grêmio
Wianey Carlet (Zero Hora) – Internacional
David Coimbra (Zero Hora) – Grêmio
Paulo Brito (RBS) – Internacional
José Aldo Pinheiro (RBS) – Grêmio
Ruy Carlos Ostermann (Zero Hora) – Grêmio